Perfil antropométrico como instrumento de triagem para risco coronariano em idosas das estratégias de saúde da família

  • Raquel Ribeiro Queiroz
  • Alisson Gomes Silva
  • Karine Souza Duarte Bezerra
  • Alex Sander Freitas
  • Vinícius Dias Rodrigues

Resumo

O objetivo deste trabalho foi apresentar o perfil antropométrico como instrumento de triagem para risco coronariano em idosas da estratégia saúde da família. Este estudo foi descritivo, quantitativa e transversal. Participaram do estudo 119 idosas da ESF e a estatística foi realizada através do Software SPSS 19.0. Para a análise da variância foi realizado o teste da ANOVA. As variáveis somáticas simples como, Massa Corporal, Estatura, Circunferência de Cintura e Circunferência de Quadril obtiveram as seguintes médias 66,50 kg, 154,18 cm, 89,66 cm e 101,42 respectivamente.  Já as variáveis somáticas compostas como o IMC, RCQ, IC e RCEst apresentaram as seguintes médias 27,96 kg/m2, 0,88, 1,25 e 0,58 respectivamente. Não encontramos nesse estudo a relação do aumento das variáveis antropométricas com a idade cronológica. Mas, a avaliação desenvolvida neste trabalho demonstra que todos os indicadores antropométricos constataram um valor parecido entre as idosas com risco coronariano. Sendo o IMC o identificador de risco que apresentou um menor poder de detecção desse risco. Apesar da identificação do risco coronariano pelos identificadores antropométricos apresentarem uma pequena diferenciação na detecção de risco da amostra, eles podem ser considerados importantes para esta triagem. Mas, estudos posteriores acerca desse assunto com amostras maiores e diferentes devem ser realizadas para suprir as dúvidas advindas desse trabalho.  
Publicado
04-02-2016
Como Citar
QUEIROZ, Raquel Ribeiro et al. Perfil antropométrico como instrumento de triagem para risco coronariano em idosas das estratégias de saúde da família. Revista Multitexto, [S.l.], v. 3, n. 2, p. 76-85, fev. 2016. ISSN 2316-4484. Disponível em: <http://www.ead.unimontes.br/multitexto/index.php/rmcead/article/view/147>. Acesso em: 16 jul. 2020.
Seção
Artigos Originais

Palavras-chave

Idosos; Indicadores Antropométricos; Risco Coronariano