ANÁLISE DA HIDRATAÇÃO NA PRATICA DA MODALIDADE DE GINÁSTICA LOCALIZADA PUMP EM INDIVÍDUOS NORMOTENSOS

  • Ana Caroline Fróis Boas
  • Claudia Christine Silva Jesus
  • Thalita Cardoso Souza
  • Mariana Rocha Alves
  • Vinícius Dias Rodrigues

Resumo

O objetivo desse trabalho foi analisar a hidratação na pratica da modalidade de ginástica localizadaPump em indivíduos normotensos. O trabalho é classificado com descritivo e analítico,onde foram analisadas 10 mulheres normotensas durante uma sessão de ginástica localizadaPump. Todas foram hidratadas de acordo com o preconizado pelo o Consenso sobre hidratação eexercício físico do ano de 2001. Para o tratamento dos dados foi utilizada a estatística descritivacom a utilização de média e desvio padrão para as variáveis somáticas simples e compostas. Osinstrumentos para avaliação foram: Balança Filizolla com precisão de 0,1 kg (Suporte de carga de0 até 150 Kg) e com estadiômetro acoplado e a Bioimpedância da Bodystat 1500. Após verificarnormalidade dos dados, foi o teste “t” de Student (p<0,05) para amostra pareada. Todos os procedimentosestatísticos foram feitos no programa SPSS 19.0 for Windows. Todos os procedimentosforam aprovados pelo Comitê de ética em pesquisa pelo parecer de número 275.243. Os resultadosencontrados nas variáveis idade, PC, % H2O, MM e % MG, na pré-sessão foram 22,5 anos,62,27 kg; 43,74%; 39,88Kg e 35,24 % respectivamente e na pós-sessão 63,18 kg, 44,35%, 40,77Kge 34,43 % respectivamente. A estratégia de hidratação adotada durante a sessão de treinamentopromoveu com sucesso a reposição dos líquidos corporais como foi apresentado. Assim, sugerimosnovos estudos para elucidar as duvidas advinda dessa pesquisa, assim é importante a produção denovas pesquisas com outros públicos e diferentes formas de hidratação para enriquecer a literaturaque trata dessa temática.
Publicado
29-11-2019
Como Citar
BOAS, Ana Caroline Fróis et al. ANÁLISE DA HIDRATAÇÃO NA PRATICA DA MODALIDADE DE GINÁSTICA LOCALIZADA PUMP EM INDIVÍDUOS NORMOTENSOS. Revista Multitexto, [S.l.], v. 7, n. 2, nov. 2019. ISSN 2316-4484. Disponível em: <http://www.ead.unimontes.br/multitexto/index.php/rmcead/article/view/377>. Acesso em: 16 jul. 2020.
Seção
Artigos Originais