PERCEPÇÃO DA ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA NA ATENÇÃO PRIMÁRIA DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE

  • Eurislene Moreira Antunes Damasceno
  • Armando Alves Mineiro
  • Deval Barbosa Junior
  • Bianca Montalvão Santana
  • Thalita Pimentel Nunes

Resumo

Este estudo apresenta uma análise da assistência farmacêutica como parte integrante do sistemade atenção primária à saúde, no qual a qualidade do uso de medicamentos está diretamenterelacionada à qualidade do serviço de saúde e aos elementos para a avaliação desta. As UnidadesBásicas de Saúde constituem a principal porta de entrada do sistema de assistência à saúdeestatal em nosso país. Entretanto, o vínculo do serviço farmacêutico está relacionado com omodelo curativo, centrado na consulta médica e pronto atendimento, com a farmácia apenasatendendo a essas demandas. O presente trabalho tem como objetivo avaliar a percepção da assistênciafarmacêutica na atenção primária do Sistema Único de Saúde. Trata-se de uma pesquisaquali-quatitativa, transversal, exploratória de natureza avaliativa. A amostra foi constituída porvinte e sete farmacêuticos que fazem parte do quadro de funcionário do Município de MontesClaros-MG. A inserção do farmacêutico às equipes de saúde que prestam assistência aos usuáriosdo SUS no Brasil é inevitável. O acolhimento farmacêutico é uma prática que contribui para ouso apropriado dos medicamentos e para a melhora de parâmetros clínicos de doenças crônicas.Logo, ressalta-se a necessidade de ações que possibilitem o aprimoramento contínuo do farmacêutico,possibilitando a compreensão do seu papel junto à equipe multidisciplinar para que esteprofissional esteja apto à prática clínica voltada aos pacientes.
Publicado
29-11-2019
Como Citar
DAMASCENO, Eurislene Moreira Antunes et al. PERCEPÇÃO DA ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA NA ATENÇÃO PRIMÁRIA DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE. Revista Multitexto, [S.l.], v. 7, n. 2, nov. 2019. ISSN 2316-4484. Disponível em: <http://www.ead.unimontes.br/multitexto/index.php/rmcead/article/view/379>. Acesso em: 16 jul. 2020.
Seção
Artigos Originais