Mulheres Programam Sim!

ada-lovelace-capa

Mês da mulher, semana da mulher, dia da mulher e entre várias mensagens de amigos e conhecidos recebi um vídeo interessante sobre a temática das mulheres na área da programação.

Muitas pessoas ainda acham que a área de exatas e a área tecnológica foi feita para os homens e é exclusiva para eles. O preconceito de gênero é sim uma realidade que não existe como negar (ainda que lentamente esteja tentando se modificar).

E pasmem, mas o primeiro programador, ou melhor, a primeira programadora da história foi uma mulher: Ada Lovelace!

Como eu sou programadora e faço parte da comunidade tecnológica convivo tanto com pessoas que apoiam a participação feminina quanto aqueles que são totalmente contra. E entre muitos “não aceito trabalhar com mulher no meu setor”, “se uma mulher me atende no call center do meu provedor de internet eu já assumo que ela não sabe nada e não vai resolver meu problema”, “mulher não precisa aprender a mexer no computador” e “você não pode ser analista de sistemas porque você é mulher” eu também ouço alguns “prefiro trabalhar com mulheres, elas são bem organizadas”, “temos orgulho de ter você na nossa equipe” e “você me ajudou muito na faculdade com as disciplinas de programação”.

Compartilho aqui com vocês o vídeo que responde à pergunta “Mulheres não Programam?” e nele existem pesquisas e estatísticas que explicam melhor o tema.

Confere aí:

 

Depois de ver esse vídeo muitas pessoas ainda vão falar que as mulheres se vitimizam e não se esforçam o suficiente e etc, etc. Chega a ser engraçado a quantidade de piadinhas que escuto sobre o dia da mulher do tipo “dia do homem é dia de todos os santos” ou “dia do homem que é bom nada né”. Mas poucas pessoas param para pensar no quão recente é o fato de que a sociedade “escuta a voz feminina”  e algumas ainda nem escutam.

O dia da mulher existe hoje merecidamente pelo fato de que, apesar de sermos seres humanos, a feminilidade foi e é considerada fraqueza e menosprezada e a masculinidade sempre foi enaltecida. E deixando bem claro, a mulher não é melhor que o homem e menos ainda o homem é melhor que a mulher.

Da mesma forma que as mulheres programam, são engenheiras, pedreiras e todas as profissões majoritariamente masculinas, os homens também são cabeleireiros, professores, donos de casa e todas as profissões majoritariamente femininas.

O vídeo da pergunta e o vídeo da resposta na íntegra você encontra no canal do Filipe Deschamps no Youtube.

Diga nos comentários o que você achou da postagem, dê sua opinião (com educação) sobre o dia da mulher.

Mariéllen Ivo
Analista de sistemas, desenhista, pesquisadora sobre usabilidade em sistemas computacionais e interessada em software livre e gamificação.